Sob(re) a pele

0
29
Pretty face of beautiful smiling woman - posing at studio isolated on white.

“Sobre a pele que há em mim tu não sabes nada”, roubei um verso à talentosa Márcia. 

Que a pele é o nosso maior órgão, isso já todos o sabemos. No entanto, atrevo-me a dizer que é também um dos mais fascinantes e misteriosos.

Sempre que chega o Verão, pensamos mais nela: queremos ficar com aquela “corzinha”, mas cada vez mais (e bem!) nos preocupamos em protegê-la – descanse, não vou falar de protectores solares, não é a minha “praia”. 

Mas a verdade é que neste Inverno, em tempos de confinamento, ela foi também amplamente falada, a pele como ameaça e ameaçada. Como potencial transmissora do vírus, como vítima. A pele que foi repetida e infinitamente desinfetada. Que ficou presa entre quatro paredes, que se habituou a cumprimentar o sol através de uma janela. 

E quem o fez, fê-lo bem, que também é do senso-comum que precisamos de produzir vitamina D com a ajuda do nosso querido sol (e a sorte que temos neste cantinho do mundo, em que ele nos visita a maior parte dos dias).

De facto, os raios solares UVB permitem que a pele produza colecalciferol, uma das formas de vitamina D. Em jeito de apontamento, aproveito para relembrar que para isso há que privilegiar exposição ao sol direto durante 15 a 20 minutos das mãos, braços e face, ou pernas, duas a três vezes por semana. 

Parando para pensar nisso, não é fantástico que a pele produza coisas? Este nosso invólucro identitário, carregado de marcas, sinais e rugas, esconde uma verdadeira fábrica por entre as suas camadas.

Mas não se resume à vitamina D, como se pensou durante algum tempo. Nos últimos anos a ciência conseguiu perceber que a epiderme e a derme têm a capacidade de sintetizar e participar na produção de inúmeras substâncias, sendo duas delas a serotonina e a melatonina. Nomes de que já deve ter ouvido falar. Mas faz ideia do que são? 

(…)

POR: Ana Margarida Monteiro _ Fisioterapeuta

ARTIGO DISPONIVEL NA INTEGRA EDIÇÃO 20, À VENDA NA LOJA ONLINE, COM OFERTA DE PORTES DE ENVIO. NA BANCA PERTO DE SI.