Será que os avós “estragam” os netos?

0
414

Às vezes os avós esquecem-se que também já foram pais – é nisto que pensamos inúmeras vezes!

Certamente já passámos por uma situação de desconforto com os nossos filhos e os seus avós. Com isto quero eu dizer que inúmeras vezes, os avós desrespeitam os pais em frente aos seus filhos. Sei que só querem o melhor para os netos, mas têm de interiorizar que cada pai zela pelo seu filho e sabe o que é melhor para ele, claro que há excepções como em tudo na vida.

Repreendemos a criança e logo de seguida a avó aconchega-a e diz:

Coitadinho também não era preciso tanto, anda cá à avó!

Queremos que os avós mimem os netos, mas também queremos que a educação que pretendemos dar não seja em vão.

As exigências com os filhos foram extremas e com os netos são tão subtis…que quase não se notam! E depois ainda vem a tal história…. Pois ele é assim porque vocês o mimam demasiado!!! Como assim??

Dizem que os avós são pais com açúcar. É uma bênção que estejam presentes na vida dos nossos filhos. Na casa dos avós não há rotina, quase tudo é permitido e eles adoram!!!

Agora vamos lá ver o que podemos fazer antes de causarmos um terramoto familiar.

5 Dicas para avós e pais:

  1. Avós – Respeitem os pais

Sabemos que os avós querem estar com os seus netos e mimá-los, mas não devem intervir nas regras dos pais. Se pretendem chamar o pai ou a mãe a atenção para algo façam-no longe da criança.

  1. Pais e Avós – Aceitem os limites dos pais

É preciso que os pais estabeleçam limites e que haja uma conversa com os avós sobre o que é permitido ou não fazer. E pais muita calma nessa hora, não sejam demasiado intransigentes.

Atenção – Se os pais dizem Não à criança e os Avós dizem. Sim, a última palavra será sempre a dos Pais e todos sabemos que neste caso vai causar uma grande confusão na cabeça dos pequenos e pode influenciar um dia mais tarde na sua personalidade.

  1. Pais – Ciúmes

Quantas vezes pensamos que os nossos filhos preferem os avós? Isso não é verdade, vamos controlar os ciúmes e não entrar em competição com eles. Os pais sabem que os avós que mimam, são os avós que estão lá quando precisamos deles, são os avós que muitas vezes nos aliviam em certos dias quando precisamos de tempo a sós sem as crianças.

  1. Avós – Cuidado com os conselhos

Os avós são muito experientes no que toca à educação de um filho, todos sabemos. As dicas são essenciais para os pais, mas quando caem no exagero os pais já não vêm com bons olhos. Precisam saber dosear, nenhum Pai gosta de se sentir inútil e incapaz no que diz respeito à educação de um filho.

  1. Avós – Maternidade atual

Muita coisa mudou desde a vossa época para os tempos de hoje. O que fazia sentido no passado, hoje pode já não fazer. Como certos cuidados com os bebés, com as crianças, etc. Procurem manter-se informados e se quiserem peçam para ir com os pais a uma consulta de pediatria, pode ajudar.

Estas são apenas algumas dicas que podem ajudar para que a relação entre Pais, Netos e Avós seja mais saudável.

Todos nós sabemos que os avós vão sempre fazer as vontades aos nossos filhos e por mais que à nossa frente não as façam para não sofrerem represálias da nossa parte, irão fazê-las longe de nós. A conversa entre os Pais e os Avós tem de ser bem clara. Expliquem aos avós os vossos pontos de vista. Não sejam demasiado exigentes com eles. Ter um neto é das maiores alegrias que se pode ter.

Tentei perceber de que forma poderíamos ter todos uma relação saudável, sem chatices e cheguei à conclusão que todos temos de fazer cedências.

Os Pais têm de compreender que os avós têm na sua consciência que não vão viver muito tempo para aproveitar o crescimento dos seus netos como queriam, por isso tentam favorecê-los de alguma forma.

Aprendi a relaxar com os meus pais e sogros, às vezes lá tenho eu de os chamar a atenção, mas já não me chateio como antigamente. Também tive uma conversa séria com o Rafael e fiz-lhe entender que as regras com os avós são um pouco diferentes das regras na casa dos Pais.

Ser Avô é uma sensação única, indescritível, é renovar os sentimentos de maternidade, é conhecer outro amor infinito.

E não…eu não acredito que os Avós estraguem os netos!!!

São uns tesouros cheios de sabedoria para os nossos filhos!

Obrigada Avós pelo amor incondicional que têm pelos vossos netos…

Marta Rodrigues_ Blog Birras em Direto

 

Créditos Fotografias : Sugar & Soul Photography