Programa de nutrição e atividade física da Nestlé chegou a mais de 800 mil portugueses este ano

0
145

O Programa Educativo ‘Nestlé por Crianças Mais Saudáveis’ celebra já 20 anos a incentivar crianças e jovens, professores e comunidades a comer melhor para viver melhor.

Mesmo no contexto pandémico que se viveu no ano letivo de 2019/2020, o programa conseguiu chegar a mais de 1300 escolas (400 delas fisicamente), impactando diretamente mais de 250 mil crianças e, indiretamente, mais de 550 mil pessoas, num total de mais de 800 mil portugueses.

O Programa Educativo ‘Nestlé por Crianças Mais Saudáveis’ é desenvolvido pela Nestlé Portugal inserido no Nestlé for Healthier Kids Global Programme, uma iniciativa global da Nestlé, de nutrição e atividade física.

Portugal foi pioneiro na implementação do programa (que no início se chamava “Apetece-me”), a par com a Rússia e o Brasil. Só no nosso país, esta iniciativa já sensibilizou mais de 3 milhões de alunos do Pré-Escolar e Ensino Básico para a importância de uma alimentação equilibrada e manutenção de um estilo de vida saudável, aliado à prática de exercício físico.

O programa é constituído por um conjunto de materiais pedagógicos especialmente dirigidos a alunos e professores destes níveis de ensino (entre os 4 e os 12 anos), permitindo-lhes abordar os temas da alimentação e estilos de vida saudáveis na sala de aula, de uma forma divertida e pedagógica.

Ana Leonor Perdigão, nutricionista e responsável pelo programa, destaca a importância da iniciativa: “O programa ‘Nestlé por Crianças Mais Saudáveis’ tem podido contribuir para que as famílias adotem hábitos de vida mais saudáveis, e todos os anos recebemos, no terreno, o feedback positivo de alunos e professores. Sabemos da importância de prosseguir com o nosso trabalho nas escolas e continuar a disponibilizar informação aos pais, pelo que mantivemos o programa a funcionar, mesmo perante a interrupção das atividades presenciais nas escolas, em março”.

A responsável revela que, nessa altura, foi adotada uma estratégia digital, que se revestiu de uma marcada participação por parte das famílias e uma ótima aceitação por parte de professores e educadores. E acrescenta: “O sucesso da reorganização digital da abordagem estratégica do programa poderá vir a ser prosseguido nos próximos anos letivos, mantendo, sempre que possível, atividades presenciais. A alimentação enquanto Saúde e Bem-estar é uma preocupação da Nestlé, encontraremos sempre novas formas de apoiar as crianças e as famílias”.

O programa, que resulta de uma parceria com a Direção-Geral da Educação do Ministério da Educação, é um parceiro das escolas e das famílias na promoção da alimentação e hábitos de vida saudáveis desde 1999. A iniciativa tem uma forte componente de ação em escolas e uma componente de ação direta na comunidade.

A implementação do programa contempla presenças físicas através de uma equipa que dinamiza sessões lúdico-pedagógicas para alunos e professores, mas também com apoio via telefone e email através do envio de materiais aos professores que pretendem continuar a implementação nas suas turmas.

De forma complementar, o programa chega também de forma indireta às famílias, nomeadamente através de atividades para desenvolver em casa, como a “definição de lancheiras saudáveis” que posteriormente são expostas na escola, impactando toda a comunidade educativa.

Do trabalho desenvolvido ao longo dos anos, constata-se que as crianças que participam no programa, não só têm mais conhecimentos sobre alimentação como têm padrões alimentares mais saudáveis, consumindo por exemplo mais sopa e fruta.

A cada ano letivo são definidos os temas principais a dinamizar, com enfoque nos últimos anos na relevância do pequeno-almoço e na sensibilização para a importância de conhecer as porções dos vários alimentos.

Este ano letivo o programa dá mais um passo em frente no sentido de integrar um novo capítulo sobre “alimentação saudável alimentação sustentável” e ainda o compromisso de lançar um Observatório da Alimentação das Crianças em Portugal, informação fundamental para se definirem objetivos ajustados às reais necessidades da nossa população. Uma das mensagens que o programa tem reforçado é a importância de envolver as crianças na preparação das refeições. Desafiando todos os sentidos através da alimentação e em família estimulam-se melhores hábitos alimentares mais e criam-se memórias para um futuro mais saudável e feliz!