Como aumentar a testosterona de forma natural

0
108

Esta é uma das principais hormonas masculinas e é a responsável pelo crescimento de pêlos, voz grossa, massa muscular, além de estar diretamente ligada à libido e à fertilidade. Conheça os sinais de que a sua testosterona possa estar baixa e veja como pode aumentá-la naturalmente.

 

Também está presente nas mulheres, em menor quantidade, mas a testosterona é a hormona chave do homem. É ela a responsável por características como o crescimento da barba e outros pêlos do corpo, engrossamento vocal, aumento da massa muscular, tendo um papel fulcral na sexualidade masculina, através da libido, e na fertilidade, uma vez que potencia a produção de espermatozóides. 

(…)

Além dos exames médicos, existem sinais que podem indicar que os seus níveis de testosterona estão baixos. Entre eles, destacamos alguns, que em regra, não se manifestam isoladamente, mas associados a alguns dos outros: 

  • Pouco interesse sexual;
  • Esquecimento constante;
  • Cansaço frequente;
  • Alterações de humor, prevalecendo sintomas de depressão;
  • Dificuldade em ter um corpo musculado e tendência para acumulação de gordura;
  • Pouca quantidade de pelos no rosto, tronco e região íntima;
  • Dificuldade em adormecer e muita agitação durante a noite;
  • Ossos frágeis e desenvolvimento de osteoporose.

Além de todas as indicações que um endocrinologista lhe irá dar, pode fazer trabalho de casa para aumentar os níveis desta hormona. Assim, deverá:

Ter uma alimentação rica em zinco e vitaminas

A alimentação também pode interferir diretamente nos níveis de testosterona circulantes. Recomenda-se a ingestão de alimentos ricos em zinco, como ostras, fígado, feijão, castanha ou sementes de girassol, por exemplo; consumo de alimentos ricos em vitamina D, como salmão, sardinhas ou ovo.

(…)

  1. Praticar atividade física

Os exercícios de musculação estimulam a produção de testosterona e, por isso, é recomendado que a pessoa realize atividade física de forma regular e intensa durante pelo menos 30 minutos usando halteres, barras e elásticos. Além disso, este tipo de exercício ajuda a queimar gorduras e leva ao aumento da massa magra. 

  1. Ter uma boa noite de sono

Uma boa noite de sono, dormindo mais de cinco horas seguidas, aumenta a produção de testosterona e diminui os níveis de cortisol, que é a hormona do stresse e que pode promover o aumento do peso quando este está em excesso, o que também pode interferir negativamente na produção de testosterona. Além disso, devem dedicar-se, se possível, duas horas por dia para relaxar e realizar atividades de lazer, como ler, ver televisão ou passear.

  1. Manter o peso adequado

Para evitar níveis de testosterona baixos, deve-se manter o peso corporal adequado de acordo com a idade e altura, pois assim é possível evitar a obesidade, o que também poderia diminuir os níveis de testosterona produzidos e circulantes no corpo. Ou seja, vigie o seu IMC (Índice de Massa Corporal).

  1. Usar suplementos

Neste caso, estes devem ser indicados pelo médico.

ARTIGO DISPONIVEL NA INTEGRA NA EDIÇÃO 18 À VENDA LOJA ONLINE ( OFERTA DE PORTES DE ENVIO) OU NA BANCA PERTO DE SI)