Astronauta que reparou Hubble no Espaço à conversa no Pavilhão do Conhecimento

0
60

O que acontece quando um telescópio espacial “precisa de óculos” e tem os painéis solares desalinhados?

Como fazer reparações em equipamentos numa órbita a 550 quilómetros de distância da Terra?

No próximo dia 5 de julho, terça-feira, às 18.00, o astronauta da NASA Jeffrey A. Hoffman estará no Pavilhão do Conhecimento, em Lisboa, para responder a estas e outras questões.

O “Hubble Repair Man”, como ficou conhecido, irá falar sobre a sua missão em 1993, quando viajou até ao Hubble para trabalhos de reparação do espelho e dos painéis solares que foram substituídos.

Um pequeno pedaço do painel original está em exposição no Auditório José Mariano Gago, no Pavilhão do Conhecimento, e a equipa do ESERO Portugal vai explicar como esta relíquia do Hubble chegou até nós através da ESA.

Entre 1978 e 1997, Hoffman fez cinco voos espaciais, tornando-se o primeiro astronauta a registar 1.000 horas de tempo de voo a bordo do Vaivém Espacial. Atualmente, é professor no Departamento de Aeronáutica e Astronáutica do MIT e diretor do Massachusetts Space Grant Consortium, sendo responsável pelas atividades educacionais relacionadas com o Espaço.

O nosso convidado irá falar-nos também de uma experiência que coordena na missão Mars 2020 da NASA – Agência Espacial Norte Americana, na qual será pela primeira vez produzido oxigénio a partir de material extraterrestre, um passo crítico no futuro da exploração espacial humana.

O Telescópio Espacial Hubble, em órbita desde 1990, tem-nos brindado com imagens únicas do Espaço profundo, de galáxias a mil milhões de anos-luz de distância, despertando um grande interesse do público pelo Universo.

Esta iniciativa é co-organizada com a Agência Espacial Portuguesa – Portugal Space. Jeff Hoffman irá participar no Space Studies Program da International Space University, que está a ser organizado no nosso país pela Portugal Space e pelo Instituto Superior Técnico.

Inscrições aqui.