As três fases da adolescência 

0
820

A adolescência é pautada por três fases muito específicas e identificadas pela Organização Mundial de Saúde.

Afinal, a transição da infância para a fase adulta é marcada por um período de instabilidade e não se faz de um dia para o outro.

Compreender as características que envolvem cada fase da adolescência é fundamental para uma relação segura e produtiva com os jovens. 

A adolescência define-se como sendo o período da vida que começa aos 10 anos e termina aos 19 anos completos e divide-se em três etapas: a pré-adolescência, que vai dos 10 aos 14 anos, a adolescência em si, abrangendo dos 15 aos 19 anos, e a juventude, dos 15 aos 24 anos, concluindo o ciclo.

A pré-adolescência 

Esta é uma fase marcada pelo fenómeno da puberdade, quando nasce a intimidade do indivíduo e o despertar do próprio “eu”, quando se reconhece a crise do crescimento físico, psíquico e a maturação sexual.

Por outro lado, não é ainda claro o que se está a enfrentar. É a primeira vez que o indivíduo toma consciência das suas limitações e fraquezas e se sente indefeso por causa delas.

O desequilíbrio emocional também está presente e reflete-se na sensibilidade e irritabilidade exageradas. O adolescente não procura sintonia com o universo dos adultos e acaba, muitas vezes, por se isolar ou por se refugiar no grupo de amigos.

Adolescência

Nesta fase, entre os 15 e os 19 anos, a pessoa passa do despertar do “eu” para a descoberta consciente do “eu”, ou da própria intimidade.

A introversão tem agora um lugar mais evidente, pois o adolescente médio sente necessidade de viver dentro de si mesmo.

Por essa razão, a timidez é tão característica desta etapa. É aqui, por exemplo, que surge a necessidade de amar e a vivência do “primeiro amor”, ainda que ele seja platónico.

Os conflitos internos desta fase são explicados, basicamente, pelo medo da opinião alheia, motivado pela desconfiança em si mesmo e nos outros, mas também por um sentimento de inconformismo e agressividade, provocados pela frustração de ainda não poder responder por si mesmo.

Juventude

Nesta etapa final da adolescência e início da fase adulta, o indivíduo começa a compreender-se e percebe mais claramente a sua integração no mundo onde vive.

Apresenta um significativo progresso na superação da timidez e mostra-se menos vulnerável às dificuldades.

Coincide precisamente com o período de tomar decisões, nomeadamente quanto à profissão na qual quer apostar ou no futuro da sua vida familiar. Começa a estabelecer relações mais pessoais e profundas.