8 dicas para otimizar o perfil de LinkdIn

0
47

Há poucas empresas que não utilizam o LinkedIn para estudar o perfil dos seus candidatos, o que não surpreende, uma vez que é a rede social profissional mais difundida no mundo.

 

Independentemente da posição que procura, é muito importante para encontrar a posição mais adequada às suas competências pessoais e profissionais, por isso a Adecco Portugal reuniu oito dicas para otimizar o seu perfil no LinkedIn.

Porque não basta marcar presença, é necessário atualizar, dirigir para manter o networking a funcionar a seu favor.

Desde a sua fundação, em 2002 até agora, o LinkedIn tem 610 milhões de utilizadores de mais de 200 países. É uma das melhores ferramentas online para trabalhar em rede com profissionais, mostrando a sua educação e experiência profissional em todo o mundo, tornando mais fácil a procura de emprego.

Sendo uma rede social bidirecional, por um lado permite aos recrutadores acederem aos perfis dos profissionais, bem como aos dos jovens talentos que estão aptos a ingressar no mercado de trabalho pela primeira vez. O primeiro contacto para a deteção de talento acontece frequentemente no LinkedIn.

Por outro lado, se o perfil empresarial for bem trabalhado pelas empresas, permite aos utilizadores terem um conhecimento prévio das organizações e filtrarem numa primeira impressão os valores, posicionamento, entre outras informações, que lhe poderão ser extremamente úteis para direcionar a sua pesquisa por uma posição de trabalho ajustada às suas competências, expetativas e valores.

Assim, é muito relevante ter um perfil que cause impacto e capte a atenção dos recrutadores. Para otimizar o seu LinkedIn o mais possível, siga as dicas da Adecco Portugal.

  1. DESTAQUE OS SEUS PONTOS FORTES

A primeira pessoa para quem deve ser claro que tem um perfil adequado a um determinado trabalho é você mesmo. Esqueça os preconceitos de género, idade e educação. Se é qualificado, é qualificado. Que o resto do mundo também o saiba.

Analise-se em profundidade e descubra quais são os seus pontos fortes. Em seguida, realce-os e difunda-os no LinkedIn. Deixe de lado quaisquer preconceitos. Por exemplo, se ainda não tem experiência, destaque o que aprendeu até agora; ou se é o seu primeiro emprego, reflita a sua vontade de aprender e desenvolver a sua carreira.

  1. O LINKEDIN É APENAS UM MEIO PARA ENCONTRAR EMPREGO

O trabalho não está no LinkedIn. A rede social é apenas um meio de comunicação. Deve obter a atenção dos recrutadores para que eles o entrevistem pessoalmente. Tenha em mente que os processos de recrutamento não são normalmente realizados online, daí a importância da entrevista pessoal que irá validar junto dos recrutadores se é o talento certo para preencher determinada posição.

  1. SEJA PACIENTE

As respostas nunca são imediatas quando inicia a sua pesquisa de emprego online. Aguarde, porque se o seu perfil for adequado para “aquela” posição, já se colocou na mira dos recrutadores. Este é um passo vital e a espera vale a pena.

  1. ESTABELEÇA OBJETIVOS REALISTAS

Numa estratégia onde utiliza o LinkedIn para encontrar emprego, é necessário estabelecer objetivos realistas. Não procure apenas qualquer trabalho e qualquer empresa, porque nem todas podem ter necessidade de um perfil como o seu ou que funcione de forma a enquadrar as suas competências.

É altamente recomendável que elabore uma lista de empresas que lhe interessam. O LinkedIn facilita-lhe a tarefa de pôr-se em contacto com elas e relevar o seu perfil como potencial talento.

  1. ADAPTE O PERFIL DE ACORDO COM OS SEUS OBJETIVOS

É de pouca utilidade ter um perfil muito genérico, incompleto ou desatualizado. Agora que já decidiu para que empresas gostaria de trabalhar, é tempo de orientar o seu perfil em conformidade e deixar claros os seguintes pontos:

  • Que posição quer ocupar e quais são as suas aptidões e capacidades para a desenvolver;
  • Indique subtilmente que está à procura de um emprego. Não se trata de uma questão de desespero. Deve mostrar interesse no novo emprego, mas se não o conseguir, haverá muitos mais;
  • Preste especial atenção ao título do seu perfil profissional, ao resumo do perfil pessoal/profissional e à sua experiência. Tente usar palavras-chave para que apareça no topo das pesquisas dos recrutadores.
  1. SEJA OBJETIVO

Depois de preencher o seu perfil no LinkedIn, seja objetivo na revisão. Peça feedback à família ou amigos e seja recetivo aos comentários e sugestões para melhorar.

  1. PRÁTICA DE REDES

Tire o máximo partido dos benefícios do LinkedIn: expandir a sua rede nunca foi tão fácil, mas certifique-se de que são contactos valiosos que podem contribuir para o seu desenvolvimento profissional.

Se o objetivo é encontrar emprego, a sua rede de contactos deve ser dominada por recrutadores, profissionais que já trabalham na empresa que lhe interessa, empresas que atraem a sua atenção, utilizadores com muitos contactos para o ajudar a expandir a sua própria rede.

Não se esqueça de enviar mensagens personalizadas sempre que se quiser ligar a outro profissional: de vez em quando, deve manter conversas com os seus contactos. Não acumule contactos por acumular, qualifique-os porque são valiosos.

  1. DESCUBRA O LINKEDIN PESQUISA DE EMPREGO

Não, esta não é a clássica aplicação móvel LinkedIn. Trata-se de uma ferramenta centrada exclusivamente na procura de novos empregos. O seu funcionamento é bastante simples e intuitivo e permite-lhe configurar as suas preferências para encontrar trabalho e pesquisar ofertas por palavras-chave.